( Curitiba, Paraná, Brasil – Comunique-se – ) Dezembro, período em que a geração de emprego está em plena expansão no comércio e nas indústrias, vale a pena ressaltar a importância de ações na segurança do trabalho. Enquanto os índices de desemprego diminuem no país, em contrapartida, os números de acidentes de trabalho aumentaram 7% nos últimos anos. Segundo os dados do Anuário Estatístico de Acidentes de Trabalho (AET), realizado pelo Ministério do Trabalho e Emprego, somente em 2005 foram quase meio milhão de acidentes – 491.711, contra 465.700 em 2004 e 399.077 em 2003. Os maiores números encontram-se principalmente no setor industrial (37%), seguido pelo setor da construção civil (5,9%) e 3,1% representam outras causas.

“São 104 acidentes por hora que ocorrem nas indústrias brasileiras espalhadas pelo país. Um número que realmente assusta funcionários, assim como empresas do setor privado e governamental”, destaca Mey Rose de Mello Pereira Rink, vice- presidente eleito da Associação Latino Americana de Engenharia em Segurança do Trabalho – ALAEST. “

A Associação Latino Americana de Engenharia de Segurança do Trabalho – Alaest promove entre os dias 11 e 13 de dezembro a Jornada Ibero-americana de Engenharia de Segurança do Trabalho, no Instituto de Engenharia do Paraná – IEP. O evento gratuito tem como objetivo a conscientização de empregado e empregadores para o crescente número de acidente de trabalho que ocorrem em todo o país.

O destaque fica por conta da presença de Sergio Miguel, presidente da Sociedade Portuguesa de Higiene e Segurança Ocupacional – Sposho, uma associação portuguesa de profissionais da área da Segurança e Higiene do Trabalho que tem por objetivo promover e contribuir para o desenvolvimento da segurança de milhares de trabalhadores naquele país e vem ao Brasil para disseminar as experiências de sucesso na Europa com a Segurança do Trabalho, com a palestra “O impacto das diretivas européias nas condições de Segurança e Saúde nos Ambientes de Trabalho”.

A abertura oficial do evento será às 16h45 do dia 11, no auditório do IEP, seguida de três palestras: às 17h30, “A Engenharia de Segurança do Trabalho como instrumento de melhoria no âmbito do trabalho”, realizada pelo engenheiro Rubén Balsamello, da Alaest; às 18h30, “A importância dos meios de comunicação para a Segurança e Saúde no Trabalho”, com o presidente do grupo CIPA Brasil, José Roberto Sevieri e “A Situação da Alaest no contexto do Brasil”. pelo presidente eleito da associação, Cezar Benoliel.

O segundo dia dos trabalhos, 12 de dezembro, será composto por quatro palestras e mesa-redonda: às 16h, “O impacto das diretivas européias nas condições de Segurança e Saúde nos Ambientes de Trabalho”, por Sérgio Miguel, presidente da Sposho; às 16h45, “Itaipu uma das sete maravilhas mundiais da engenharia”, com o diretor geral da Itaipu binacional, Jorge Miguel Samek; às 17h30, “Responsabilidade Civil e Criminal dos Acidentes de Trabalho”, com o engenheiro Rodrigo Meister de Almeida, representante da Federação das Indústrias do Estado do Paraná – FIEP/PR; e às 18h30 “Proteção em Máquinas e Equipamentos”, com Bruno Caruso Bilbao Adad, engenheiro de Segurança do Trabalho do Serviço Nacional de Aprendizagem na Indústria – SENAI-PR

O segundo dia finaliza com mesa redonda em torno do tema: ”A Formação em Engenharia de Segurança do Trabalho”, às 19h15 com a presença de Luís Claudio Miel, presidente Instituto de Engenharia do Paraná – IEP; María Teresa Pino, professora da Universidade Nacional de Assunção – PARAGUAI – CPI/UNA e engenheiro Carlos Augusto Sperendio, professor da Universidade Federal Tecnológica do Paraná UFTPR

No dia 13 de dezembro terá duas palestras e dois temas abertos ao debate: às 16h, “A Ergonomia na Concepção dos Processos de Produção”, por Pedro Arezes, da Universidade do Minho, Portugal (Uminho); às 16h45, “As Interfaces da NR-32 com o PPRA”, com o engenheiro Sérgio Silveira de Barros, auditor fiscal da Delegacia Regional do Trabalho no Estado do Paraná – DRT/PR.

Os debates ficam por conta da mesa redonda, às 17h30, “A Engenharia de Segurança do Trabalho no Sistema CONFEA/CREA”; com a presença do Álvaro José Cabrini Junior, presidente do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia – CREA/PR, Harold Sadalla, conselheiro do CREA/PA e Ney Azevedo, presidente da Associação Brasileira de Engenheiros Civis – Abenc.

O último trabalho do dia será às 18h30, com o debate “Agricultura no Contexto do Desenvolvimento Sustentável no Brasil”, com Sérgio Silveira de Barros, auditor fiscal da DRT/PR, Eliseu Lacerda, professor da Universidade Federal do Paraná – UFPR e José Francisco Krawulski , tecnologista da Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho do MTE – FUNDACENTRO/PR.

O programa ainda conta com eventos paralelos, como a exposição de equipamentos de proteção individual e coletiva e dois cursos ministrados na parte da manhã: dias 11 e 12 de dezembro, das 8h às 12h, “Como Gerenciar Ergonomia na Empresa”, pelo fisioterapeuta Alison Alfred Klein, presidente da Associação Brasileira de Fisioterapia do Trabalho – ABRAFIT; no dia 13 de dezembro, das 8h às 12h acontece o curso “O Novo Contexto da NR-4”, ministrado pelo engenheiro, Francisco Carlos Bergami, auditor fiscal Regional do Trabalho no Estado do Paraná – DRT/PR.

Inscrições gratuitas e informações pelo fone 3322-9129 ramal 215 ou pelo site http://www.iep.org.br.

Serviço:
Evento: “Jornada Ibero-americana de Engenharia de Segurança do Trabalho”
Data: 11 a 13 de dezembro de 2007
Local: Instituto de Engenharia do Paraná – rua Emiliano Perneta, 174 – 2º andar.
Inscrições e informações: 3322-9129 ramal 215 e no site http://www.iep.org.br

Sobre a ALAEST
A ALAEST foi fundada em 25 de setembro de 1985, com o apoio dos congressistas argentinos, brasileiros e paraguaios, que firmaram a “Declaração de Curitiba para a Segurança do Trabalho”.

A ALAEST tem como objetivo introduzir, por meio da engenharia, segurança e higiene nas empresas. Dessa forma busca uma efetiva prevenção de acidentes e doenças, que garanta saúde e dignidade aos trabalhadores.